Objetivos de Desenvolvimento Sustentável - os ODS Impact Hub Floripa
Objetivos de Desenvolvimento Sustentável – os ODS
19 julho 2019 - Impact Hub

Do jeito que andava a tomada de decisão da humanidade, estávamos fadados a viver em um mundo com meio ambiente devastado e com as relações humanas bem desiguais e deterioradas. 

Pensando nisso, a Organização das Nações Unidas (ONU), que tem uma melhor percepção do macro por sua atuação global, avaliou temas que traziam algum sinal de alerta máximo para a continuação dos seres vivos no planeta. Resultaram daí os 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS), que são um chamado universal para ação contra a pobreza, proteção do planeta e para garantir que todas as pessoas tenham paz e prosperidade.

Quais são os 17 Objetivos do Desenvolvimento Sustentável

Os objetivos estão interconectados e o sucesso de um depende do sucesso do outro. São eles:

  1. Acabar com a pobreza em todas as suas formas, em todos os lugares.
  2. Acabar com a fome, alcançar a segurança alimentar e melhoria da nutrição e promover a agricultura sustentável.
  3. Assegurar uma vida saudável e promover o bem-estar para todos, em todas as idades.
  4. Assegurar a educação inclusiva e equitativa e de qualidade, e promover oportunidades de aprendizagem ao longo da vida para todos.
  5. Alcançar a igualdade de gênero e empoderar todas as mulheres e meninas.
  6. Assegurar a disponibilidade e gestão sustentável da água e saneamento para todos.
  7. Assegurar o acesso confiável, sustentável, moderno e a preço acessível à energia para todos.
  8. Promover o crescimento econômico sustentável, inclusivo e sustentável, emprego pleno e produtivo e trabalho decente para todos.
  9. Construir infraestruturas resilientes, promover a industrialização inclusiva e sustentável e fomentar a inovação.
  10. Reduzir a desigualdade dentro dos países e entre eles.
  11. Tornar as cidades e os assentamentos humanos inclusivos, seguros, resilientes e sustentáveis.
  12. Assegurar padrões de produção e de consumo sustentáveis.
  13. Tomar medidas urgentes para combater a mudança do clima e seus impactos.
  14. Conservação e uso sustentável dos oceanos, dos mares e dos recursos marinhos para o desenvolvimento sustentável.
  15. Proteger, recuperar e promover o uso sustentável dos ecossistemas terrestres, gerir de forma sustentável as florestas, combater a desertificação, deter e reverter a degradação da terra e deter a perda de biodiversidade.
  16. Promover sociedades pacíficas e inclusivas para o desenvolvimento sustentável, proporcionar o acesso à justiça para todos e construir instituições eficazes, responsáveis e inclusivas em todos os níveis.
  17. Fortalecer os meios de implementação e revitalizar a parceria global para o desenvolvimento sustentável.

Qual ou quais são os seus ODS? 

Numa conversa rápida com quem fica no nosso entorno, conseguimos identificar nas atividades pelo menos um e, muitas vezes, mais de um ODS para as atividades organizacionais. 

Na comunidade do Impact Hub Floripa 50,6% dos nossos membros acreditam que o impacto é tão ou mais importante que o retorno financeiro para o seu negócio e pelo menos 49 membros se veem exclusivamente como um negócio de impacto e se dedica a encontrar soluções para o ODS que se relacionam.  

A mudança acontece com a tomada de decisão de cada um de nós ao mudar de comportamento perante estes temas. A decisão é individual mas o esforço e coletivo – e juntos vamos mais longe.

Movimento ODS SC

A fim de representar e colocar em prática os objetivos e metas de desenvolvimento sustentável do Estado e do País se estabeleceu o Movimento ODS de Santa Catarina, filiado ao Movimento Nacional.

Em 2019 nos tornamos SIGNATÁRIOS e nos unimos a um grupo de pessoas e organizações que vibram na mesma sintonia. Isso significa que fazemos parte, ativamente, deste movimento pelos ODS no Brasil e assumimos um compromisso formal com eles. 

Se você quiser se tornar um signatário também, é só acessar esse link.

Os 17 Objetivos não podem ficar só no discurso. Por isso, praticamente todas as nossas ações – seja de coworking ou dos espaços de eventos – de alguma forma estão conectadas a eles. Quando vamos pensar em um evento, por exemplo, já entra automaticamente a reflexão de qual dos ODSs está envolvido e se faz sentido darmos sequência a ele. 

Estamos atentos ao tema e no mês passado a Maíra Rodrigues e a Ana Hoffmann estiveram no Fórum Brasil ODS, que aconteceu em Jurerê, ao longo de 2 dias. O interessante foi reunir em um mesmo ambiente pessoas completamente conectadas com a Agenda 2030 – diversos especialistas e o público refletiram juntos sobre onde estamos hoje em relação às metas  e, assim como compartilharam boas práticas já executadas nas organizações.

objetivos_desenvolvimento_sustentavel_ods_forum_makers_equipe_impact_hub_floripa_coworking_espaco_eventos

Perguntamos à coordenação estadual do Movimento ODS / SC sobre os motivos que têm levado a tantas ações, como o Fórum Brasil ODS 2019, que reuniu muita gente legal. Segundo a coordenadora, Katiane Vieira, as razões são muito simples. “Melhorar o mundo pode ser algo grandioso, mas isto é feito nos pequenos gestos diários. E o Movimento ODS / SC convida a todos para esta reflexão: qual é o meu impacto no mundo? Vamos encontrar, juntos, as respostas?”, desafia a coordenadora Katiane. 

Os ODS na nossa comunidade

Falar sobre ODS pode parecer algo muito distante da prática e do dia-a-dia mas queremos desmistificar isso. Trouxemos então algumas histórias da nossa própria comunidade:

A Maidi Dalri é super sintonizada com a educação de qualidade – ODS 4. Ela faz parte do time de especialistas do Google que leva para professores dos mais diferentes níveis, as ferramentas que oferecem com foco em educação. Você já ouviu falar do Google Education, por exemplo? É uma plataforma onde se criam grupos para as turmas de nível médio, graduação e pós, para que todos possam compartilhar trabalhos, atividades, calendários, bem como deixar recados uns para os outros.

A Cláudia Picone tem atuação intensa há muitos anos em questões ambientais, que têm tudo a ver com o ODS 13, que tem relação com as ações voltadas para a mudança climática. É linda a história dela que publicamos aqui, onde ela conta que já consegue ver mudanças efetivas na restauração da Mata Atlântica Nativa. Imagina só: em 2006 o pessoal da The Nature Conservancy – a ONG onde ela trabalha – criou um plano de ação que envolvia unir as forças de empresas privadas, academia e poder público. A ideia era gerar uma onda de restauração e agora, 13 anos depois, os resultados são palpáveis no bioma. 

Até emociona, não?

Para você ter ideia, muitas atividades são mais complexas e podem envolver mais de uma ODS, como é o caso da Universo Mood, da nossa membro Mariana Velazquez , que atua fortalecendo os ODSs 3 e 4, respectivamente boa saúde e bem-estar e educação de qualidade. Ela e seu sócio atuam com a capacitação de crianças, educadores e pais para viverem uma vida mais plena e com a saúde integral. Inclusive, eles realizam eventos sobre o tema. Vale ficar no seu radar. 

O Accelerate 2030

Além de todas essas histórias, no último ano topamos o desafio de nos unir internacionalmente a outros 23 Impact Hubs e lançar no Brasil, em conjunto com os Impact Hubs de Curitiba, São Paulo, Brasília, Manaus, Recife e Belo Horizonte,  o Accelerate 2030. O programa é uma parceira entre a nossa rede e o Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD), que tem como objetivo de escalar globalmente negócios que estejam em fase de crescimento e alinhados com os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável em 2019. 

Desenvolvido pelo Impact Hub de Genebra e o PNUD, o programa busca transferir o capital intelectual gerado por esses atores para países em desenvolvimento, levando assim a um intercâmbio de dados, práticas e pessoas. Foram selecionadas 33 empresas de 12 estados para participar da etapa nacional e ao todo, elas contemplam prioritariamente 13 dos ODS.

Depois de tudo isso, já se decidiu qual é o seu ODS? 

Com qual deles você consegue e pode se engajar de verdade?

Essa não é uma pergunta aleatória, é importante para todos e todas.

Por isso te perguntamos: como será o mundo daqui a 20 anos se todos agirem como você?